Facebook Youtube IPDJ Comité Olímpico Comité Paralímpico Confederação do Desporto Fundação do Desporto Centro de Alto Rendimento UCI UEC Jogos Santa Casa
Início UVP-FPC Equipa Portugal Estrada BTT BMX Pista Escolas Ciclocrosse Ciclismo para Todos
Competição
Provas e Classificações 2019
Rankings 2019
Informação
Notícias
Arquivo de Notícias
Atleta
Equipas
Currículo do Atleta
Actas de Corrida
Loja Online
Loja Online
Visualizar
Album
Estrada - Arquivo Notícias
 
Rafael Reis 34.º classificado no contrarrelógio sub-23
Estrada
O português Rafael Reis foi hoje o 34.ºclassificado na prova de contrarrelógio para sub-23 do Campeonato do Mundo de Estrada, que se disputou ao longo de 43,5 quilómetros, entre Pistoia e Florença.

O ciclista luso completou o percurso em 53m58s, tendo gasto mais 4m08s do que o vencedor, o australiano Damien Howson. O segundo classificado foi o francês Yoann Paillot, a 57 segundos, e o terceiro o dinamarquês Lasse Norman Hassen, a 1m10s.

O campeão nacional de contrarrelógio viu o seu desempenho prejudicado pela falta de ritmo, provocada pela lesão sofrida no Campeonato da Europa e que o obrigou a uma paragem forçada que lhe condicionou a preparação.

“Foi um contrarrelógio muito longo. Senti-me bem até aos primeiros 25/30 quilómetros, mas depois comecei a notar alguma falta de ritmo e dei o que podia. A lesão que sofri condicionou o meu desempenho. Tive um mês de trabalho específico, mas se não tivesse qualquer paragem e se pudesse ter feito um trabalho contínuo chegaria aqui em melhores condições. Nos últimos três anos as coisas não me têm corrido muito bem, mas tenho fé que para o ano não haverá azares e alcançarei bons resultados”, afirmou Rafael Reis após a prova de hoje, que conclui a meio da tabela.

Amanhã é a vez de os juniores César Martingil e Gaspar Gonçalves lutarem contra o cronómetro, num exercício individual de 22,1 quilómetros, que tem partida e chegada em Florença. Martingil parte às 9h21, enquanto o compatriota deixa a rampa de lançamento às 9h58 (hora portuguesa).

Tal como as restantes provas de contrarrelógio deste Campeonato do Mundo, o traçado é plano. A maior diferença da corrida de juniores trata-se do traçado muito técnico, dado que é mais urbano do que os restantes “cronos”.

“O principal objetivo dos juniores é a prova de fundo. Queremos, no entanto, aproveitar a sua presença aqui para lhes proporcionar uma experiência de competição ao mais alto nível no contrarrelógio, até para que possam avaliar em que posição se encontram perante a nata internacional”, esclarece o selecionador nacional, José Poeira.

A comitiva nacional, instalada em Montecatini, já conta com dois corredores de elite. Nelson Oliveira e Tiago Machado, que disputam o contrarrelógio na quarta-feira, juntaram-se à Seleção Nacional/Liberty Seguros e já rodaram hoje com o equipamento nacional pelas estradas da Toscânia. Na quarta-feira, Tiago Machado sai para a estrada às 12h19 e Nelson Oliveira inicia o esforço às 12h51 (hora portuguesa).
2013-09-23
Partilhar Facebook
« Voltar
 
 
Eventos
Site desenvolvido por: Cyclop Net - Desenvolvimento de Sites Profissionais